A pele branca e o dia a dia

Freqüentemente me perguntam sobre como é viver em meio as pessoas, disfarçando-se e se escondendo. Eu sempre digo que isso é coisa que se aprende com o tempo. Pois em cada época os costumes são diferentes e a sociedade transpira pensamentos diferentes.

Confesso que atualmente as coisas estão mais fáceis, pois é como um amigo me disse esses dias: “Vive-se atualmente em uma época atemporal em função das novas formas de comunicação e tudo está misturado”. De início a idéia parece estranha, mas analisando-se com exemplos percebe3-se que isso é possível e bem favorável aos vampiros. Vejam as músicas, elas estão estranhas e muitos artistas estão sendo re-gravados ou composições antigas estão sendo misturadas com novas. A moda do vestuário também está bizarra e muitos aspectos do passado se misturam com materiais desenvolvidos hoje. Além claro das questões de saúde e beleza onde o bronzeamento está em baixa.

Sim isso mesmo, o corpo bronzeado está fora de moda como indica essa pesquisa: http://beleza.terra.com.br/homem/interna/0,,OI4573938-EI7591,00.html

“Pesquisa realizada na Inglaterra com mais de mil mulheres mostrou que elas preferem homens com pele branquinha. Menos de um por cento das entrevistadas considera pele bronzeada sensual.”

Isso claro é apenas um dos aspectos que ajudam os vampiros a se camuflarem entre os humanos. Inclui-se nisso as luzes dos postes das ruas que continuam com o tom amarelado, imitando as antigas luminárias a óleo que disfarçam muito bem a nossa cor pálida. Lembro-me também que atualmente as pessoas estão mais abertas ao diferente, já tivemos épocas como na França em que a pele clara era elegância, mas hoje qualquer um pode ser o que for e é visto de uma forma tranqüila. Sem se ouve falar de pessoas espancando gay, dos skin heads, dos punks, agora os emos que estão virando “happyrock” e assim por diante.

Viva a diversidade!

Ferdinand W. di Vittore

Nascido em 1827, foi transformado em vampiro com 25 anos em 1852, enquanto ainda vivia na pequena cidade de Nossa Senhora do Desterro, atual Florianópolis, Santa Catarina – Brasil. Criou este site em 2008 com o objetivo de divulgar as ideias do seu clã, instituição fraternal em que ele, seu mestre e alguns amigos mais chegados pertencem. Além disso ele também publica aqui e no vampir.com.br histórias do seu cotidiano. Está quase sempre bem humorado e nos últimos anos possui um projeto chamado “Os escolhidos” em parceria com Hector. No qual eles “ajudam” a polícia e a sociedade na resolução de crimes hediondos. Ferdinand também ocupa suas noites com a escrita e recentemente publicou um livro com suas memórias: http://my.w.tt/UiNb/gz325qd62s

Você pode gostar...

33 Resultados

  1. Lella Souza disse:

    Roupas Bizarras, e músicas bizarras Principe ? Nossa…realmente os dias de hoje estão bem “atualizados” se é que me entende… Fica mais fácil um vampiro se misturar no meio dessas esquisitices toda ! Se bem que não gosto muito do dia de hoje..Exceto se for para ajudar a sobrevivência de sua espécie rsrsrs ! Mas hoje cm esse avanço macabro, muita gente finge ser o que não é..e isso me dá nos nervos.. Tem várias pessoas aqui por perto que ficam escutando e se vestem igual a famosa Lady Gaga ! Ou pessoas que curtem a nova origem do “ROCK” (que infelizmente não é mais o mesmo, virou “Happyrock”)… Nada pessoal ! É só que tenho que desabafar isso… Essas bandas novas tipo…Restart, Cine, Hevo84… Justin Bieber…Todos querem imitá-los… E se isso for Rock.. As sinfônias de Bethoven é pagode !!!
    Sinceramente…nada pessoal..respeito aqueles que gostam dessas “bandas”.. É só meu ponto de vista entende?!!!! Mas o bom é que temos que ser abertos a diferenças…Fazer o que !!! srsrsrsrs.. Fui sincera demais ? AI…..Isso vai me criar problemas…haha

  2. Doppelgänger disse:

    Havia um quê de ironia nesse “Viva a diversidade!” ou eu estou errado?

  3. O bronzeamento pode ta fora de moda, mas aqui na Argentina, onde eu moro obviamente, as mulheres estao cada vez mais bronzeadas, mas é artificialmente, fica horrivel, porque pintam o cabelo de loiro e tem aquela pele marrom D: HORRIVEL

  4. Ms.Rochester disse:

    Nao sei se ainda podemos falar sobre a pele branca estar em alta.Eu sou palida,tenho as veias sempre a mostra e muitas pessoas ficam de preconceito comigo,muitas vezes sou chamada de vampira ou defuntinho,coisas nada agradaveis.As vezes eu penso;Porque nao podem simplesmente me chamar pelo nome? seria tudo mais facil.
    Os negros sao preconceituosos,mas nao tanto quanto os brancos.Acho ridiculo um branco discriminar outro branco só porque a pessoa em questao é mais branca que ele.Dá vontade de cutucar o cérebro da pessoa e falar:Gente,é só cor poxa,eu sei que sou preconceituosa com negros,mas é por outro motivo poxa.
    Claro que nao ia adiantar nada,entao eu simplesmente aguento os desaforos,até o dia que enfiei a cabeça de um na parede e fiquei batendo até ela aprender.
    As pessoas da Espanha sao bem morenas,eu acho isso bonito,porque é diferente do meu tom de pele,que é uma mistura de branco palido com riscos azuis e verdes.Nada muito bonito.Nem muito saudável.

  5. acho esse mundo muito fantasia …..mais sei que e legal esta nele..

  6. minha familia veio de geraçoes…..

  7. olha eu tenho um amigo que ele e muito estranho a cor dos olhos dele mudavan eu sempri desconfiei mais eu nunca perguntei a ele ele eh meio diferente eu nao sei se vampiros existem mais sei que tem pessoas com os geitos iguais a de um vampiro..

  8. H. Cadu disse:

    Andresa esse teu amigo aí:Ja vi casos de pessoas que a cor dos olhos mudam,por exemplo aqui em casa os olhos da minha mãe são castanhos claros esverdiados mas quando ela chora os olhos ficam mais verdes,ou tambem meu irmão e eu quando choramos(eu não apanho,só ele kkk)nossos olhos ficam mais claros,ou até mesmo os olhos do meu irmão de dia ficam meio acizentados e de noite ficam castanhos.
    Cara é questão de ambiente mesmo ,mas o mais louco é o pai do meu amigo,os olhos dele são azuis claros e quando sai pro sol ficam vermelhos o.O

  9. é… H.CADU eu acho beim legaal essa coisa toda de olhos que mudam de cor com o ambiente…
    meo irmão msm o olho dele é castanho e quando esta sol o olho dele fika um verde meio amarelado,ja o meo é castanho escuro e noo sol ele fika uma cor mais caramelo é beim legal msm….

  10. Bom…os meus são castanhos claros, mas quando vou me alimentar ficam azuis ocêano.

  11. Desvariada disse:

    Oi galego, sou nova aqui muito legal o seu site. Já quase tudo, e tenho uma pergunta. Enquanto ao sol como vocês reagem a ele?

  12. Lin-Kun Cadu disse:

    Acho que o Galego já fez mais de uma postagem falando sobre isso ‘_’ Não quero me intrometer (mas estou fazendo isso) os vampiros torramno Sol ^.^

  13. Baronesa disse:

    deve ser uma dor terrivel…(queimei meu braço com água fervente e chamei até Jesus de Genésio..rsrs)

  14. Moon disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk baronesa nossa.
    ainda bem que sou lobo nunca queimei no sol mais quando me transformei pela primeira vez foi uma dor terrivel.

  15. Baronesa disse:

    e como é moon? desforma igual nos filmes?

  16. Lupino Urbano disse:

    Realmente, a primeira transformação em lobo é uma dor terrível.Não é a pior dor do mundo mas entrou para a lista dos piores momentos que já tive,nunca mais esqueci desse dia.

  17. Baronesa disse:

    Mas e aí lupino? desforma igual nos filmes?

  18. Lupino Urbano disse:

    Bom, eu nunca me ”vi” transformando. Sibérien estava comigo e acabei perguntando o que realmente havia acontecido no outro dia.Ela falou que foi meio bizarro já que eu ”encolhi” um pouco e que não dava para ver meu rosto já que eu me contorcia e acabei baixando a cabeça. Mas pelo o que ela me falou é quase como os filmes mostram mas eu não me transformei em um lobisomen bípede e sim em um lobo.

  19. Baronesa disse:

    nossa…e voce raciocina quando está em forma de lobo?

  20. Moon disse:

    olha existe 3 tipos de lobo Baronesa 1 e 2 tipo São Irraconais o 3 ja é racional sou do 3 tipo e ja me vi transformado varias vezes mais enfim nunca vi um vampiro queimar ni sol ja vi de varias maneiras sem cabeça e etc…
    mais queimar até morrer nunca.
    e é uma dor insulportavel a primeira transformação.

  21. Galego disse:

    Hummm eu já vi lobos, lobisomens, vampiros, bruxas… As vezes acho que sou o próprio demônio na terra, enfim. Não posso de deixar minha impressão de lado ao fato de que ultimamente tenho visto muitos “Lobos” frequentando o site…

    Seria isso influência do novo seriado “Teen wolf”?

    Este comentário não é para desmerecer ninguém, muito pelo contrário, é apenas algo que surgiu a minha mente, como uma simples coincidência talvez =)

  22. Baronesa disse:

    valeu gente pela explicação…
    ps: Gente…. eu vou pesquisar sobre essa série Teen Wolf que todo mundo ta falando mas eu confesso que nunca vi… fiquei curiosa sabia.

  23. Moon disse:

    hehehe ri agora Galego .
    Sim Baronesa A Serie é boa mais o lobo que ele vira é do 1º tipo antes de tudo.

  24. Moon disse:

    Galego Te Mandei Meu Poema O Nome É Solidão Publica Por Favor Ta ???

  25. Lupino Urbano disse:

    Consigo sim Baronesa e falando sobre Teen Wolf, não gostei muito da série não.Digo em relação aos efeitos, praticamente é tudo a base de maquiagem.

  26. Baronesa disse:

    andei vendo…é uma espécie de “sabrina aprendiz de feiticeira” para as bruxinhas e “crepúsculo” para os vampirinhos, séries jovens que mostram as dificuldades adolescentes com uma “lição de moral” no final….Tenso.

    PS: (me deu uma vontade de assistir os filmes do Stephen King…)

  27. Lupino Urbano disse:

    Pois é, nos últimos anos esse seriados com temática sobrenatural envolvendo adolescentes faz a cabeça da galera. Não sei se digo que acho que é ridículo ou fico com pena dessas ”crianças-grandes”.

  28. va disse:

    Se tem uma vantagem em viver nesta época é justamente a liberdade de expressão que existe hoje. Já pensou ter que viver de acordo com os padrões dos outros e não os seus? Mesmo assim, para mim, a diferênça não é uma coisa tão tranquila assim nãooo… Principalmente em cidades pequenas… A tolerância à diferênça vai até o limite do que a sociedade aceita moralmente…

  29. Baronesa disse:

    Va vc falou tudo… eu trabalho em uma cidadezina do interior de São Paulo é o negócio é bem por aí mesmo…se você é um pouco diferente, você e destacada de tudo.

  30. Lupino Urbano disse:

    Tenho sorte então de não ser tão ”chamativo” onde moro. Se eu for para o interior então vão achar que tem um cadáver ambulante drogado.

  31. Baronesa disse:

    eu ri =)

    e a questão nem é ser um ser sobrenatural ou não Lupino, se você gostar de coisas que estão fora dos “padrões sociais”, se vestir de maneira diferente e por aí vai… você é o esquisito da cidade…eu sempre vivi em cidade “grande” não estou acostumada com isso, mas andei sabendo de lendas bem sinistras daqui…

  32. Lupino Urbano disse:

    Eu nem sou tão chamativo assim, praticamente só tenho uma pele muito branca por causa da genética mesmo. Meio jeito de se portar e vestir também são muito normais.