Acreditamos mais no mal?

Estava lendo artigos pela internet e achei este no portal Terra. A autora comenta sobre o pensamento do mal ou como é mais fácil pensar no mal do que no bem, curioso eu diria…

“Devido a minha proximidade com a reflexão mística, posso dizer que o ser humano acredita muito mais no mal, do que no bem.

Essa parece ser uma afirmação contraditória, mas, na verdade, é o que se mostra no comportamento das pessoas que, supersticiosas, desviam-se dos gatos pretos, evitam passar por baixo de escadas, batem três vezes na madeira – tudo isso para afastar o mal que julgam estar presente em seu caminho.

Por que será que o mal ocupa um lugar de tamanho destaque junto às pessoas em geral? A preocupação de muitas delas, pelo menos durante a consulta esotérica, é saber se há algo de mal feito contra elas, que possa atrapalhar suas vidas, atrasar os sucessos, ou mesmo afastar um amor.

Talvez o fato de querer se isentar de responsabilidades, a dificuldade de criticar as próprias ações, faça o mal ter um domínio definitivo na imaginação humana. É mais fácil culpar algo de fora, que traga impedimentos e fracassos, do que assumir as dificuldades pessoais e ser o dono exclusivo de seus insucessos e perdas.

Nos meus muitos anos de consultora esotérica, inúmeros consulentes me perguntam: “alguém fez algo de mal para me atrapalhar?”, ou “tem algum feitiço contra mim?”. Não me lembro, porém, de alguém ter me perguntado se lhe teriam feito algo de bom.

Quanto mais as pessoas se responsabilizam por seus atos, sem atribuírem os entraves a feitiços ou magias, mais força elas terão para melhorar a vida.

Marina Gold/Especial para o Terra”

Ferdinand W. di Vittore

Nascido em 1827, foi transformado em vampiro com 25 anos em 1852, enquanto ainda vivia na pequena cidade de Nossa Senhora do Desterro, atual Florianópolis, Santa Catarina – Brasil.

Criou este site em 2008 com o objetivo de divulgar as ideias do seu clã, instituição fraternal em que ele, seu mestre e alguns amigos mais chegados pertencem. Além disso ele também publica aqui e no vampir.com.br histórias do seu cotidiano. Está quase sempre bem humorado e nos últimos anos possui um projeto chamado “Os escolhidos” em parceria com Hector. No qual eles “ajudam” a polícia e a sociedade na resolução de crimes hediondos.

Ferdinand também ocupa suas noites com a escrita e recentemente publicou um livro com suas memórias: https://my.w.tt/UiNb/gz325qd62s

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. Carmina disse:

    Acho que o ser humano acredita tanto no mal, pq a deculpa para fazer o “mal” fica mais simples, se tem alguém me fazendo mal, pq afinal devo ser bonzinho???
    O ser humano é assim galeguinho, e é por isso que eles são tão irritantes, tudo é motivo de briga, tudo é motivo para guerra, até amor as vezes acaba em guerra…o velho ciclo que nunca fecha, quando será que eles irão aprender??
    Somos senhores de nosso destino…ninguém é mais culpado pelo mal que nos é inferido do que nós mesmos.
    Baccios Vampiri… 🙂

    • Galego disse:

      É um pouco complicado para mim, falar sobre a maldade, tento em vista que os vampiros são sempre tidos como os “carinhas malvadões” da história. Claro que temos toda uma mística que proporciona esse tipo de pensamento nas pessoas, mas tem muito a ver o que tu disseste sobre a evolução. Evoluído é aquele que consegue se abster desse tipo de maldade, sem ferir por desculpa. Ai que está o segredo e isso começa quando simplesmente deixamos de colocar um papel no lixo ou quando cuspimos no chão por exemplo. Isso vem de berço, vem da educação e não há nada que possamos fazer além de chamar a atenção dos desavisados e sem noção…
      Triste não é aquele que sofreu por algo que aconteceu, mas sim aquele que caiu e nunca tentou levantar…
      Blood Kisses ^^

  2. fabiana lee disse:

    EU SEMPRE ACREDITEI NOS DOIS LADOS DA MOEDA TANTO NO BEM TANTO NO MAL PRA MIM UM NAO EXISTIRIA SEM O OUTRO , E EQUILIBRIO , EXISTEM MUITAS PESSOAS QUE DIZEM SE “SE TE FIZEREM O MAL PAGUE COM O BEM ” PARA MIM ISTO ESTA CORRETISSIMO NAO DEVEMOS SENTIR SENTIMENTOS QUE NOS FAZEM MAL PORQUE ISSO ACABA PREJUDICANDO OUTRAS PESSOAS AO NOSSO REDOR , SEI QUE UM SENTIMENTO COMO O ODIO E VINGANÇA SEMPRE AFLORARAO DENTRO DE UM SER HUMANO MAIS E MELHOR TERMOS DENTRO DE NOS SENTIMENTOS QUE NOS TRAGAM PAZ HARMONIA E AMOR DO MULTILAR-MOS NOSSAS ALMAS COM SENTIMENTOS TORPES,,,