Livros

Em 2008, eu Ferdinand, estava fazendo uma das cousas que mais gosto quando me sobra tempo, entre a administração de meu clã e tantos negócios particulares. Estávamos num boteco, lugar muito bem frequentado por bêbados cativos, amantes de comida ruim e jovens em busca de cerveja barata. Quando em meio as nossas conversas um amigo me disse:

Ferdinand tens tantas histórias, por que não monta um blog?

Inicialmente, eu achei graça, mas depois de um tempo a ideia ficou martelando em minha cabeça e surgiram meus primeiros rascunhos e relatos on-line no vampir.com.br

Desde então o site está no ar e é onde eu e meus amigos vampiros, dedicamos alguns minutos livres entre um pescoço e outro, para vos detalhar nossas rotinas e aventuras. Atualmente o site possui mais de 550 posts e em 2014 eu decidi me afastar um pouco dele, focando-me quase que por completo aos meus livros.

Eu possuo sete diários escritos à mão ao longo de meus muitos anos de vida. Todos contêm memórias, pensamentos soltos ou ainda recortes de jornais da época. O último deles não foi terminado, haja vista minha prematura vontade de hibernar na década de 50. Quando voltei ao mundo em 2005, os computadores já estavam na rotina de todos e tratei de convertê-los para o mundo digital, num dos primeiros rascunhos que escrevi em forma de livro.

Em 2012 uma editora da Inglaterra me procurou inicialmente por e-mail, inclusive chegamos a nos encontrar pessoalmente, mas não continuamos a negociação sobre a publicação. Eu já estava com o vampir.com.br com bons acessos e eles não quiseram publicar além da impressa uma versão on-line. Desde então eu não parei, continuei escrevendo e se você quiser saber mais vá para a página do meu primeiro livro.