Religião, casamento e pegas de carro

Apesar de terem me dedurado no twitter eu acabei ignorando minha segurança e fui para Florianópolis no final de semana. Um amigo casou-se com outra amiga e como fazia muito tempo que eu não ia numa festa destas, foi então uma ótima oportunidade de rever amigos e por que não fazer contatos.

Desde que virei vampiro eu tenho evitados templos religiosos, não por que possa me fazer mal muito pelo contrário. É que decerta forma eu andei um pouco descrente mesmo. Sim eu era muito católico quando humano, minha família inteira aliás o era, inclusive íamos a missa todos os domingos com a melhor roupa.

Nunca vou esquecer de uma vez em que me meu irmão se escondeu no poço para não ir e depois de tanto lhe procurarmos ouvimos um barulho tipo “Tibum” e lá estava ele ensopado e morrendo de frio. Lembro que minha mãe ficou tão brava que mandou ele se secar rapidamente e fomos assim mesmo para a igreja. Nos dias seguintes ele teve febre e minha mãe ficava lhe dizendo que era punição divina…

Mas esta minha crença na religião foi parando com o tempo, tive muitas perdas, desacreditei por várias vezes da força divina até que de uns tempos para cá depois que acordei eu comecei a rever essa questão em minha vida e digamos que estou um pouco mais crente. Talvez depois que eu tenha conhecido a Beth esta crença tenha voltado, pois ela vive me falando da Deusa.

Já tive provas, aliás os seres sobrenaturais tal qual eu somos prova de que deve existir sim uma força divina que rege a vida e a não vida de todos que estão nestes e nos outros planos de existência.
Pois bem deixando a questão crença de lado vou lhes contar como foi minha estadia na bela nova Desterro. Hoje em dia ela é chamada de Florianópolis, nome que muitos julgam ser uma piada de mal gosto, afinal foi praticamente imposto pelo tal Floriano Peixoto.

Na sexta reencontrei alguns amigos em um belo papo de Boteco, onde eles me contaram como anda a região, o que tem feito e onde alguns humanos que la estavam em nossa mesa acabaram bêbados. Coisa normal hoje em dia? Antigamente também era na verdade, eu mesmo quando humano tive alguns dias de ressaca depois de belas noitadas…

No sábado aconteceu o tal casamento dos amigos que comentei anteriormente e a cerimonia foi bem parecida com as que eu já tinha visto a muitos anos atrás, acho que o último casamento que fui foi de um casal de vampiros, cuja cerimônia havia sido ministrada por um padre vampiro. Tirando o fato de que hoje em dia as decorações são muito mais bonitas e que as pessoas não se portam mais a igreja como antigamente o resto foi tranquilo.

Já na festa fiz muitos contatos novamente, dancei, brincamos de sujar o carro do noivo, sujamos também os noivos com muito papel higiênico rss Nem preciso dizer o quanto me diverti, e naquelas poucas horas que estive com eles até esqueci do que sou, aparentando apenas ser mais um cara de 20 e poucos que lá estava.

Madrugada adentro e antes que o salão fosse fechado eu resolvi sair de mansinho, me despedi apenas do noivos e dos mais chegados e fui para o hotel onde fiquei hospedado. Acontece que eu estava com um carro alugado, um modelo médio preto, no qual dirigia habilidosamente até que vejo a minha frente um carro fazendo fila.

Os carros que estavam a minha frente buzinavam e o carro simplesmente não entrava em lugar nenhum, até que os carros começaram a subir pela calçada para desviar. Quando chegou minha vez eu dei sinal, buzinei e sinceramente até podia subir no meio fio, mas decidi abrir a porta e dar um xingão “Ow cara, não tá vendo que teu carro trancou a passagem?” Nesse momento o cidadão, abaixou o vidro, E me mostrou o dedo do meio, no qual todos sabem o significado… Eu estava muito bem, havia me divertido horrores, mas aquele cara em poucos segundos tirou minha paciência. Podem achar que sou esquentadinho, mas se existe uma coisa no qual preso é pelo bom senso e educação.

Fui em direção ao carro do cidadão, parei ao lado e falei: “Não vai tirar o carro da rua?” Ele, então me ignorou fato que me fez perder a cabeça e lhe dar um belo tapa em sua cara. Nada que fosse deixar marcas apenas algo de advertência que nem deve ter doído, sim eu tenho controle da minha força…

Depois disso voltei para o meu carro, subi o canteiro e fui indo para o hotel. Mas para o meu prazer os caras o tal cara do carro resolveu me perseguir e começamos ali um pega que duraria alguns minutos em meio a algumas ruas de um certo bairro. Ele quase bateu no meu carro várias vezes, junto dele havia outro cara que volta e mia saia pela janela e gritava desaforos para mim e a coisa esquentou quando passamos próximos a um córrego em que eles quase caíram.

Povo, confesso que fiquei muito tentado em acabar com a brincadeira a qualquer momento, saindo do carro e acabando com os dois mancebos sem ter piedade nenhuma. Mas a noite havia sido tão boa que ontem de madrugada eu resolvi ter piedade. Talvez a igreja ou o sermão do padre tenham reavivado, alguns sentimentos humanos no meu caráter. No entanto eu resolvi passar próximo a um posto policial. Estacionei na frente e quando eles viram que eu havia parado ali eles passaram reto por mim sem parar. Alguns guardas vieram até mim perguntar o que eu estava fazendo na garagem deles, mas eu apenas fiz de conta que estava perdido e pedi informação.

Obviamente anotei a placa do carro, vou passar para meu cunhado e em poucos dias terei a localização e nome do proprietário, se algum dia eu estiver por Floripa novamente e estiver com fome, já saberei em que casa bater para pedir comida…

Ferdinand W. di Vittore

Nascido em 1827, foi transformado em vampiro com 25 anos em 1852, enquanto ainda vivia na pequena cidade de Nossa Senhora do Desterro, atual Florianópolis, Santa Catarina – Brasil. Criou este site em 2008 com o objetivo de divulgar as ideias do seu clã, instituição fraternal em que ele, seu mestre e alguns amigos mais chegados pertencem. Além disso ele também publica aqui e no vampir.com.br histórias do seu cotidiano. Está quase sempre bem humorado e nos últimos anos possui um projeto chamado “Os escolhidos” em parceria com Hector. No qual eles “ajudam” a polícia e a sociedade na resolução de crimes hediondos. Ferdinand também ocupa suas noites com a escrita e recentemente publicou um livro com suas memórias: http://my.w.tt/UiNb/gz325qd62s

Você pode gostar...

110 Resultados

  1. Lin-Kun Cadu disse:

    LOL Finalmente uma nova postagem!Realmente,o povo de hoje em dia quando se trata de transito são um bando de desaforados ¬.¬ Falo por experiencia própria e olha que falta poucos anos pra eu começar a dirigir e do jeito que eu tenho paciencia com os outros praticamente minha carteira deve ficar cheia de pontos.Galego cara,quando voce vai responder os emails?

  2. Jeff Andreoli disse:

    Que tenso..eu so calmo mas pulo em cima do meu pe…em fim,gostei do final ae hahahaha..quando vc estiver com fome..ja saber ne ^^
    finalmente esto ativo aqui no site…\o/

  3. Baronesa disse:

    Esse é o Galego!! ponderado acima de tudo… rs
    Concordo com vc quando fala de Floripa, fui para lá algumas vezes e é realmente um lugar maravihoso! Recomendo! 🙂

  4. Baronesa disse:

    teve um Zé mane aqui onde moro que é filhinho de papai e atropelou uma senhora idosa, bebado. pagou fiança e está livre! quanto a senhorinha…bacia quebrada. FDP!!

  5. Lin-Kun Cadu disse:

    Credo,meu pai bolou um sistema legal de quando ele tá de folga do trabalho ele tem um bloco de notas onde ele anota a placa de alguns carros que infrigem as leis a mais comum é a de não parar na faixa de pedestre,tem um monte de placa xD

  6. Jeff Andreoli disse:

    Nossa teu pai faz isso ^^

  7. Lin-Kun Cadu disse:

    É por que meu pai é policial u.u

  8. Baronesa disse:

    boa atitude, embora as leis são muito brandas para esses assassinos do asfalto!

  9. Baronesa disse:

    Hj eu tive a noticia de que esse filhinho de papai escorregou no banheiro(devia estar bebado ou drogado)e quebrou uma das costelas….. justiça divina?…trágico!

  10. Galego disse:

    Cadu respondo ainda esta semana…

    Baronesa provavelmente foi a maldade que ele fez para outra pessoas, no caso a velhinha, voltando para ele. É aquela coisa povo, sempre o que fazemos nos é refletido de volta de alguma forma.

  11. Baronesa disse:

    obs: adorei a imagem dos bonequinhos vampiros…♥

  12. Baronesa disse:

    Pois é Galego, a lei do retorno é bem mais confiavel do que a lei dos homens.

  13. jhonny.boy disse:

    Que legal parece cena de filme de ação :] e ai pessoal sou novo aqui

  14. Doombringer disse:

    “Nossa teu pai faz isso ^^”
    “É por que meu pai é policial u.u”
    Eu RI MUITO aOEaOEAOEOAOEAOE
    FATALITY

  15. Baronesa disse:

    Eu ia deixar passar batido Doombringer, mas já que você citou …. Eu RI MUITO aOEaOEAOEOAOEAOE
    FATALITY x2

  16. Baronesa disse:

    Lin Kun…pequeno troll..shuahsuahsuahushau

  17. Lin-Kun Cadu disse:

    Só agora fui saber que eu dei uma trollada xD

  18. Baronesa disse:

    hausahsuahsuahsuahsua, mas essas “sem querer” são as mais geniais!!!

  19. Lin-Kun Cadu disse:

    E tava na maior inocencia u.u Só justifiquei a profissão do meu pai ‘_’

  20. Baronesa disse:

    por isso que foi GENIAL!!!

  21. Baronesa disse:

    mas não liga não CADU, somos maldosos mesmo….ha ha

  22. Lin-Kun Cadu disse:

    lol Não que eu odeie maldades (até porque eu tenho talento nato pra isso) só que não percebi a trollagem xD

  23. Strifer disse:

    Não é querendo zombar de tua imortalidade nem nada parecido, meu caro amigo, mas é ao perceber certas atrocidades das quais o ser humano é capaz de cometer que fico extremamente feliz por não ser obrigado a ver até onde esta loucura chamada humanidade vai chegar.

    • Galego disse:

      Não entendi onde teve zombaria em teu comentário Strifer…
      Todavia concordo contigo que a humanidade está cada vez mais perdida.

  24. Baronesa disse:

    mas o que esperar de uma raça que só extrai seus recursos naturais sem repor, uma raça que mata em nome de Deuses, crenças, e várias outras coisas? Uma raça em que os valores familiares ficarem desgastados, Uma raça que sabe das consequências de seus atos porém ficam só na teoria…triste… pelo menos para as futuras gerações… 🙁

  25. Baronesa disse:

    Por mais que gente brinque e tente esquecer, sempre aparece um ser humano desprezivel como esse motorista que o Galego teve que suportar para mostrar quanto somos ignorantes.

  26. Doombringer disse:

    O que te faz pensar que essas coisas são humanas? São só amebas munidas de Iphone. e-e

  27. Fernanda disse:

    O que faz vcs pensarem que os humanos foram programados para serem bons? Haja vista que no mundo sempre houve muito mais maldade do que bondade, apenas hj em dia se permite divulgar as atrocidades um pouco mais do que antes e acreditem o que é divulgado é pouco perto do que realmente acontece e digo de experiência propria já que vejo bem de perto no meu trabalho.

  28. Baronesa disse:

    Fernanda eu acredito nisso. e é só a ponta do iceberg.

  29. Baronesa disse:

    “amebas munidas de Iphone” #rialto!
    ótima definição do ser humano de hoje!

  30. Fernanda disse:

    Pois é Baronesa, a maldade é inerente ao ser humano e pode ser comprovado até pela bíblia, que é um livro “inspirado”

  31. Baronesa disse:

    Sim. mortes e mais mortes em nome de Deus e da fé. meio controverso, não?

  32. Lupino Urbano disse:

    Olá pessoal,sou novato aqui no site e começei a acompanhar recentemente.Gostaria de parabenizar o site pelo belo designer e pelos variados comentários.Comentando sobre a postagem, realmente as leis de trânsito não funcionam muito,já perdi as contas de quantas vezes fui quase atropelado. Galego meu caro,queria conversar contigo mas não sei se falo em particular ou em público.
    Um grande abraço, Lupino.

  33. LellaMorais disse:

    Adorei o FATALITY do Doomb !! rsrs não ia nem comentar mas isso me chamou atenção.. E como já estou aqui.. adorei o novo post ^^ Kisses Principe ♥

  34. Lin-Kun Cadu disse:

    Putz, se voces já tão debatendo sobre leis e regras imagina eu então que nem gosto de obedecer nada (‘6 rebelde

  35. Baronesa disse:

    ah Lin, mas quem gosta de obedecer regras? niguêm gosta, mas há a necessidade para que se possa ter um pouco de organização nessa bagaça de mundo.

  36. Lin-Kun Cadu disse:

    Pois é,o engraçado é que eu não gosto da ”bagunça” dos outros mas quando se trata da ”minha” bagunça eu faço a festa da sacanagem (não confundam com orgia,bacanal e outros).

  37. Baronesa disse:

    que susto!! kkk mas entendi… e vc entederia mais se olhasse o meu guarda-roupas xD

  38. Baronesa disse:

    *entenderia, sorry

  39. Baronesa disse:

    ah citei guarda-roupas, porque é minha mais grave bagunça….#angelmodeon…rsrs

  40. Lin-Kun Cadu disse:

    Digo bagunça por exemplo,meus amigos quando chegam em na minha casa são comportados e tudo mais,meus pais gostam deles e é só eles virarem as costas que os meua amigos já começam com a zoadeira de ficar gritando e bagunçando como se estivesse escrito creche na entrada da casa ¬.¬ E ainda reclamam quando eu começo a gritar com eles.

  41. Baronesa disse:

    Isso chama dissimulação Lin. é bem comum nós fazermos isso, mostrar uma falsa imagem de nós mesmos.

  42. Lin-Kun Cadu disse:

    Não que eles sejam falsos mas eu só não gosto de bagunça no meu ”território” u.u

  43. Baronesa disse:

    ”território”?? entendi…você só tome cuidado para não levar esse treinamento seu a sério demais para não começar a fazer xixi pelos cantos da casa viu… aushaushua xD

  44. Lin-Kun Cadu disse:

    kkkk Território é uma mania que eu peguei dos meus tios que eram do exército,não é nada a ver com o treinamento xD Fica tranquila, não vou fazer uma porqueira do tipo xD

  45. Baronesa disse:

    auhsuahsuahsas…sabe que eu to brincando né?

  46. Baronesa disse:

    Embora eu não possa nem falar a respeito de direção…(não sei nem por a chave no contato) rsrs, mas confesso que sempre tive vontade de dirigir, claro sem fazer M#$%# como esse cara aí do post.

  47. ChetFriedrichAlighieri disse:

    kkk , sem comentários. Eu acho que têm gente que nao merecia ter carteira de motorista, já que só faz merda no trânsito.Aqui onde eu moro tem cada troll também, que dá até vontade de plantar uma bomba no carro dos infelizes…

  48. Lin-Kun Cadu disse:

    Fazer o quê? É o nosso Brasil,não é?

  49. ChetFriedrichAlighieri disse:

    kkk se for para pensar assim, Lin-kun…

  50. Lupino Urbano disse:

    Seria bom se o Brasil ao invés de se preocupar com a Copa tivesse mais interesse nos assuntos públicos.Políticos preferem lucrar em vez de usar o dinheiro extraído dos impostos para ajudar a população e o cumprimento das leis.

  51. Baronesa disse:

    Pois é Lupino…mas o povo pode estar passando fome e morrendo mas se tiver o futebolzinho e uma cervejinha…”a gente vai levando”…

  52. Doombringer disse:

    Política do “Pão e Circo” sempre funciona. 🙂

  53. Janielly Rodrigues disse:

    Gostei! mas Galego… Irritadinho? tá mais pra “Bonzinho”.
    Cara que paciência! :@

  54. va disse:

    Galego, como pode um padre ser vampiro? Desculpe pela pergunta, mas é que “padre” e “vampiro” são duas coisas antagonicas, não?

    • Galego disse:

      Claro Va todos os humanos, independente de credo, raça ou gênero podem ser vampiros. Conforme eu vou explicar melhor em meu livro somos dependentes de sangue, porém somos muito mais que isso, afinal toda ação negativa precisa de algo positivo para ser equilibrado. Regras desse mundo dúbio e ambíguo 😉

  55. Marie disse:

    Tenho lanchinho aqui perto de casa também.. qualquer coisa é só avisar.. kkkk
    aaa só pra variar meu pai viveu em Florianópolis alguns anos a traz ^^

  56. The Fallen disse:

    um vampiro católico , então ta né !….
    solo sagrado não te afeta?
    água benta etc …?

    Perdão pela minha falta de educação ; não sei como deveria
    me comportar perante um vampiro …

    Sou estudante de ocultismo ….

    Lendo esse blog , o SR. acabou colocando >?< antes dos meus pontos finais …

  57. kiria13 disse:

    NOME Ferdinand
    SOBRENOME Confusao.

  58. liaalves disse:

    lol, prefiro tralo por Galego bem mais fácil, o nome é bem estranho e comprido só sei que é Ferdinand mais nada xD

  59. liaalves disse:

    Galego to ansiosa por ver esse seu livro, deve ser bem interessante, você tem muito talento 🙂 e nem preciso de desejar boa sorte porque tenho a certeza que vai vender muito bem 🙂

  60. Baronesa disse:

    Galeguinho para os mais intimos!! rsrs

  61. kiria13 disse:

    verdade lia galego e bem mais facil mas eu acho Ferdinand um nome marcante, e espero chama lo galeguinho um dia rsrs.

  62. Baronesa disse:

    eu tbm Kiria…rsrs mas é só brincadeira… teve gente aqui no blog que chamava o Galego até de GAL.. rsrs

  63. kiria13 disse:

    Gal ja acho um pouco de mais neh, mas faser oq rsrs

  64. liaalves disse:

    Galego é bem mais fácil de decorar, adoro o nome do Galego mas é bem complicado, mas também cria chamar o Galego de galeguinho… rs

  65. Baronesa disse:

    que sabe um dia hein Lia…rrsrs

  66. liaalves disse:

    É temos de esperar… rsrs

  67. Baronesa disse:

    pelo menos vamos ver se seremos comtemplados com uma foto do Galego de presente de natal…Aí sim!! rsrs

  68. liaalves disse:

    É eu já to bem curiosa para ver, deve ser bem bonito 😉 rsrs

  69. Baronesa disse:

    e bem “alvo” sé é que me entende..rsrs

  70. liaalves disse:

    Então não entendo hehe…ra

  71. liaalves disse:

    rs*

  72. Baronesa disse:

    Lia até mais. depois nos falamos…trabalho me chama.

  73. liaalves disse:

    Claro fofa! e.e

  74. Lin-Kun Cadu disse:

    Mais uma vez bate-papo nas postagens u.u

  75. liaalves disse:

    É e o assunto é o Galego, se bem que eu não quero incomoda-lo, a esta hora ele deve de estar fulo com o celular sempre a tocar… Galego calma não se irrete que eu fico com medo

  76. Lin-Kun Cadu disse:

    Tô nem aí pro celular heuaheuaheuahe Vou encher o saco agora u.u

  77. liaalves disse:

    xD eu to até com pena ninguém ajuda o Galego… tadinho ;P

  78. liaalves disse:

    Se bem que eu hoje também estou a comentar eheh nunca comentei tanto na minha vida ;P

  79. Lin-Kun Cadu disse:

    Hoje eu tô pegando leve u.u Só pra esperar meus amigos entrarem logo no msn pra começar a trollar eles o/

  80. liaalves disse:

    Pareces eu as vezes fico de mais, só começar e.e

  81. Lin-Kun Cadu disse:

    Se eu ficar no site o tempo todo deixo de fazer coisas importantes o/

  82. liaalves disse:

    Pois eu entendo, eu também não posso ficar aqui o dia todo infelizmente…rs

  83. Lin-Kun Cadu disse:

    Vou ler e assistir Berserk agora, depois eu volto o/

  84. liaalves disse:

    Ta bem te já então! Galego deve de estar aliviado vai parar um pouco os toques no celular ^^…rsrsrs

  85. The Fallen disse:

    Para aprender esqueça tudo . Desligue a mente .
    Para entender pratique .
    Questione mesmo que a resposta obtida nao faça sentido a razao.
    Nao confunda !

  86. Baronesa disse:

    Para The Fallen:
    Nem todos que estão aqui, estão interessados em estudar ocultismo, bruxaria, vampirismo e afins. alguns de nós(como eu) são apenas apreciadores do trabalho literário do Galego. #ficaadica

  87. liaalves disse:

    É mesmo, bem que pudia deixar isso de lado 🙂

  88. The Fallen disse:

    hun . entendi ! nesse caso o fato do Galego ser vampiro não influencia em nada né?

  89. Lin-Kun Cadu disse:

    Aí depende da opinião de cada seguidor desse site cara o/

  90. Baronesa disse:

    Exato. se ele for ou não um vampiro, temos que levar em conta o grande potencial do guri em escrever.. 😉

  91. liaalves disse:

    Exatamente Baronesa 🙂

  92. Galvin disse:

    Eu adoro estudar Bruxaria (Pagã), Ocultismo e Vampirismo.
    Inclusive sou da religião Wicca que é uma religião de Bruxaria Neopagã.

    Bom se vocês acham o nome do Galego esquisito, leia o meu nome de Bruxo: Milosh Galvin ^^

    Até mais….
    Blessed be!

  93. Baronesa disse:

    seja bem vindo Glavin
    blessed be too!

  94. The Fallen disse:

    agora ta tenso! rsrsr
    seja bem vindo Galvin : vou usufruir dos seus conhecimentos \o/ …( só curiosidade mesmo ) sou estudante de ocultismo .

  95. Ciallmhar, O Cinzento disse:

    Êêê… Também sou! Sou Sacerdote da Tradição HOME! \o/
    Estamos todos juntos nessa então… Contem comigo para compartilhar conhecimento!

  96. Lin-Kun Cadu disse:

    LOL, agora o site tá enchendo de bruxos ‘_’

  97. Baronesa disse:

    eu como sou leigona serei apenas uma leitora passiva…LOL

  98. Lin-Kun Cadu disse:

    ehauehaueh Eu entendo bem pouco de bruxaria, não tenho interesse nisso e muito menos gosto por razões pessoais. Mas respeito se o pessoal quiser comentar o/

  99. Baronesa disse:

    eu tbm, adoro absorver informações.

  100. The Fallen disse:

    somos sangui sugas , temos sede de informação !

  101. ah legal, Floripa, devfe ser um ótimo lugar ainda não conheço mas pretendo logo logo que sair de férias, ainda bem que não somos vampiros e podemos aproveitar o sol e a praia rsrsrsrs.mas eu daria um susto nos manés.

  102. Baronesa disse:

    Floripa é linda!! #saudades

  103. ÁQUILA GOMES disse:

    Caraca tô ficando perdida aqui Sr Galego que história é essa de que a igreja não lhe afeta ?E eu sabia que vampiros não saem em fotos ou aparecem em espelhos….Estou ficando com vários pontos de ??????????? ah e quando for em Floripa visitar e passar na casa dos dois idiotas tenha um bom apetite…rsrs como eu sou má,ops quero dizer vc…