Reunião na fazenda

Mais uma noite na fazenda e hoje Willian virá nos visitar. Na verdade, pedi que Hector o trouxesse junto, pois passaria muito próximo de sua cidade a caminho daqui. É uma pena que Eleonor e Sebastian estejam longe pois seria praticamente uma reunião de clã.

Na noite de hoje eu quero ver a interação de meus pupilos juntos dos demais vampiros da família. É provável que eu apresente à Deb os detalhes do projeto “Escolhidos”, atualmente mantido pelo Hector. Eles já foram informados que serão avaliados e provavelmente cada um terá uma reação diferente.

Eu poderia fazer isso na forma de uma surpresa, mas Hector e Franz sabem ler pensamentos e eu sei me comunicar com eles por telepatia. Eu já havia falado deste meu dom por aqui? Não sei ler mentes como meus irmãos, mas ao menos conseguimos nos falar sem que os outros percebam.

Até o momento todos os meus Ghouls estão progredindo bem. Penélope passou dois dias admirando seus presentes e depois disso conseguiu hakear um site importante. Deb me surpreendeu não caindo na lábia de Franz e até me confidenciou que detesta homens folgados como ele (eu ri). Willian também fez progressos interessantes, mas como eu já disse para ele, espero muito mais de sua cabeça agitada e inovadora.

Como este processo ainda vai levar um bom tempo eu decidi voltar minha atenção ao livro e ao projeto “Escolhidos”. Sei que os novos daqui ficarão um pouco confusos e preciso explicar que a decisão de ter uma nova cria, não tem nada a ver como projeto “Escolhidos”. Aliás, vivo recebendo pedidos de afiliação no grupo “Escolhidos” do site, mesmo tendo colocado um aviso bem grande por lá: “No momento, não aceitamos pedidos para novos membros.” Vai entender…

O projeto “Escolhidos” é algo conjunto com Hector, onde “matamos o tempo” ajudando a polícia em casos de difícil resolução. Não é nada oficial ou que tenha base politicas ou governamentais e prefiro chamar de filantropia vampiresca. Por favor não me perguntem mais sobre isso, é o máxim oque posso falar do assunto. Ainda nesta semana falarei do último caso resolvido por Hector.

Sobre o livro estou pensando em lançá-lo somente on-line, o que acham disso?

Ferdinand W. di Vittore

Nascido em 1827, foi transformado em vampiro com 25 anos em 1852, enquanto ainda vivia na pequena cidade de Nossa Senhora do Desterro, atual Florianópolis, Santa Catarina – Brasil. Criou este site em 2008 com o objetivo de divulgar as ideias do seu clã, instituição fraternal em que ele, seu mestre e alguns amigos mais chegados pertencem. Além disso ele também publica aqui e no vampir.com.br histórias do seu cotidiano. Está quase sempre bem humorado e nos últimos anos possui um projeto chamado “Os escolhidos” em parceria com Hector. No qual eles “ajudam” a polícia e a sociedade na resolução de crimes hediondos. Ferdinand também ocupa suas noites com a escrita e recentemente publicou um livro com suas memórias: http://my.w.tt/UiNb/gz325qd62s

Você pode gostar...

14 Resultados

  1. Ana disse:

    Por mim tudo bem, mas seria melhor ( e por mim a sensação é melhor) sentir as folhas enquanto leio o livro…
    Esta é só a minha opinião (e que não deve de contar muito -.-‘)…

    • Imagina minha querida, é claro que tua opinião conta e muito! Sim, já me falaram disso, eu mesmo adoro ir a livrarias e sentir aquele cheirinho de livros novos rss

  2. Verônica ! disse:

    Ana sua linda ! Concordo com você , sentir o livro em mãos , o cheirinho de novo ou até mesmo de velho é bem melhor :3 , e como o próprio autor concorda com isto , por quê não lança-lo hein , sr. Ferdinand ? O.o rsrs…
    Ah ! Pelo visto a Deb está se “saindo melhor que a encomenda “,como diz o ditado , mas está certa Deb , há alguns rapazes que só querem corpor nús , como diz minha mãe , rsrs… não dê toda essa liberdade para o Franz u.u rsrsrs…

  3. Marie Claire 1 disse:

    Boa tarde! Concordo com a Ana, nenhuma tecmologia substitui a tradiçâo.

  4. Lella Moraiss disse:

    Não vejo a hora desse meu trabalho começar ! Sabes onde me encontrar Príncipe ! Beijos.

  5. Valentim disse:

    Wow… Oline é melhor de conseguir… Mas on-line tbm ira faltar entrevista e ensaio de foto e todos os bla bla bla… Que a vida de um escritor favorece e tbm desfavorece, se nao souber usar a fama é claro…
    Da logo, a resposta de quem sera o sortudo ou Azarado. Da dando nos nervos… ( Não lige muitos p/ os erros de ortografia, sou péssimo em Português).
    Meus parabens, seu blog é muito supreendente!

    O que significa ” mancebo”?

  6. Allice Taranti disse:

    “Sobre o livro estou pensando em lançá-lo somente on-line, o que acham disso?”

    So termine ele e me fale como adquirir u.u’

  7. fhal disse:

    Hallo schatz, tudo bem. Me parece que esta um pouco confuso, sei que vai demorar ate escolher mas sinto que vc esta se sentindo um tanto vulneravel. Meine liebe erlaube mir einen Rat!!!! Habe gesagt ds du nicht durch deine emocionen gehen lassen, aber mercke ich leider dass etwas dich trübt, bist du traurig schatz. Meine Rat n nehme eine von dem Mädchen und übergebe William Hector, mercke das dir von innen auffrisst, sorry mon amour. Küss. Fhal.

  8. josilaine daiara gomes de jesus disse:

    eu nao vejo a hora que voce escreva seu livro on-line ou em livro com carta , estou esperando ansiosamente de ler .esperamos que seus escolhidos que vai sempre otimo beijos saudades de voces , e tambem quando voces me tira minhas duvidas .como noi dissemos aqui na italia bacio e ciao