Sangue frio – Pt4

Sua chamada está sendo encaminhada para a caixa de mensagem, após o…

Desisti de ligar para ele naquele momento após umas dez tentativas. Eu estava entediada, e de certo modo também já preocupada com aquela criatura. Naquelas noites, fiquei na casa de Hector em busca de alguns contatos e estudando relatórios. Tínhamos tanto trabalho pela frente que não tive tempo para mais nada. Ele havia decidido visitar alguns locais e já se passavam três noites de sua saída. “Raios, será que morreu ou foi capturado ou isso é próprio de seu feitio?” – Pensei.  Meu celular toca. Ferdinand liga e já vou logo dizendo.

– Ferdinand, sabe algo sobre Hector?  Não vim para cá para virar uma nerd e só ficar estudando relatórios. Sabes que odeio esperar por algo ou alguém.

-Hey, boa noite pra você também. Eu não sei de nada não. O que houve?

– Humm, estou nos nervos com essa demora, não que esteja preocupada com ele, claro. Mas já fazem três noites que aquele vampirata saiu, e até agora nem sinal.

-Ah!Não se preocupe. Logo ele aparece. Deve estar em alto mar relembrando os velhos tempos, ou encontrou alguma pista importante…

– Pode ser. Enfim, precisa de algo?

– Na verdade, só queria notícias sobre as coisas por ai. Mas, vejo que está tudo bem… (risos) Além disso, Lilian e Carlos progrediram em suas buscas, um resultado não muito agradável, devido ao que descobriram. Acho que logo, precisarão do auxílio de vocês. Mas, veremos isso depois.  Também estarei aguardando notícias sobre aquela tarefa que pedi.

– Sim, espero que Hector esteja trabalhando nisso.

Falamos sobre mais alguns assuntos e logo desligamos o telefone. Naquele momento pensei em fazer uma caminhada noturna. Mas, estava confortavelmente jogada em cima da cama, cheia de papéis ao redor, com o notebook ligado, aninhada em uma manta e vestindo apenas uma camisola de seda preta.

Ouço o barulho da porta abrindo. Hector chegou, me procurando foi até o quarto.  Cheirava a rum, ou alguma bebida do tipo.

-Pela demora acho que encontrou algo.

– Boa noite para você também Becky. Sim, encontrei. Estava me esperando? – Falou analisando a maneira em que eu estava.

Revirei os olhos e disse:

– Na verdade não. Só estava à vontade aqui sozinha e você é a segunda criatura que me diz “boa noite pra você também”. Enfim, o que encontrou?

Hector se aproximou me deu um beijo inesperado, “o que é isso” pensei, e então disse:

– Você vai ver logo, vampirinha mal humorada. Se arrume que vamos buscar esse tesouro juntos…

Eu realmente estava mal humorada. Pelo menos Hector não havia me deixado de fora daquela diversão. Estacionamos o carro a umas duas quadras e seguimos a pé até o endereço. Então, aconteceu algo engraçado. Para entramos no local, achei melhor saber o que poderíamos encontrar pela frente e fiz uma das minhas pequenas viagens astrais, questão de segundos. Quando voltei, Hector estava de frente para mim, com as mãos nos meus ombros, me encarando com aqueles olhos negros bem de perto, fazendo caretas. Pisquei os olhos rapidamente:

– O que foi? – Perguntei.

– O que houve com você? Seus olhos brilharam como se estivesse…

– Podemos entrar por uma janela aberta nos fundos, é pequena, mas, nós dois passamos. O alvo está sozinho em seu quarto igual a um internauta doente.

Não precisei mais explicar, Hector conhecia essa habilidade, sorriu com seu jeito sarcástico e logo em seguida demonstrou ter compreendido. Entramos pela tal janela. Abordamos um cara magro, esguio e com olhos fundos. Estava sentando em frente ao computador com uma caneca de cerveja, vestia uma calça jeans podre e estava sem camisa. O maldito fedia. Em seu quarto, inúmeras fotos e materiais pornográficos, em seu computador imagens de meninas e contatos da internet. Confiscamos tudo.

– Boa noite queridinho, está a fim de dar um passeio?

– Para ele você dá boa noite?

Disse Hector, soltando uma gargalhada demoníaca de fazer qualquer um arrepiar. Levamos o maldito que ainda no caminho, já entrou em desespero. Coitado nem imaginava o que faríamos com ele…

Você pode gostar...

5 Resultados

  1. simplesmente humana disse:

    Gostei gostei gostei…..foi feito justiça,se tdos esses infelizes pedófilos recebecem sempre um tipo de lição assim pensariam muito antes de farem algo do tipo com crianças.Hum acho que na foto vi um …gatinho.

  2. Anny wesker disse:

    muito bom, esses pedófilos malditos merecem tudo de pior…

  3. Ana Julia Petrova disse:

    Finalmente justiça foi feita!! Quero com mais detalhes como esses malditos sofreram!! História incrível!!

  4. Olá, fico feliz que gostaram da história. E claro que contarei os detalhes do castigo que esses “coitados” sofreram… E, realmente eles só tiveram o que mereceram.
    Beijinhos 😉

  5. Sellene Bernard disse:

    Adorei. Esperando a continuação…. ^^