Wampir – Os Vampiros existem!

Histórias, contos e relatos. O cotidiano de vampiros, bruxas e lobisomens do jeito mais realista, que você possa imaginar…

  • Baile no Rio
    Quando falo do Rio de Janeiro sempre vem a minha mente a primeira metrópole que conheci. Eu ainda era um vampiro novato quando cruzei tais terras pela primeira vez e aos olhos de alguém que na época possua apenas 26 anos, tudo me vislumbrou. Em muitos locais já havia energia elétrica, os bondes levavam as…
  • De quando quase virei pó
    Naquele tempo o mundo começou a girar de uma forma diferente, a ascenção dos veículos distanciou os pobres dos ricos. As antigas luminárias a óleo deram lugar aos postes com lâmpadas elétricas e a confortável escuridão noturna fez surgir aquele clima Noir, onde já era possível identificar quase todo mundo que cruzava seu caminho sem…
  • Um pouco mais sobre a Helga
    Antes de falar sobre a Helga, eu só queria falar rapidinho do momento após nossa volta da festa em Berlin. Onde fiquei um tempo cuidando de Julie. A vampira passou dias e noites num pseudo coma, sendo alguns resmungos a única forma de interação que nos informava que ela ainda estava nesse plano. Apesar disso,…
  • Os vampiros e a velhice
    A velhice ou propriamente o “problema” de ficar velho para um vampiro pode ocorrer de diversas formas. Todas elas diferentes do processo que ocorre com os humanos. De um modo geral vampiros envelhecem sim, tal qual eu comentei aqui certa vez. Todavia, lá em 2009 os pensamentos eram muito soltos, minha escrita evoluiu para estes…
  • Um encontro excêntrico e sádico
    Estava aflito, bem na verdade o que me incomodava era a o fato de estar atrasado para aquele encontro. Detesto depender do transporte público, ainda mais naquela época onde as estradas e os veículos eram muito precário. Apesar de tudo, cheguei 3 ou 4 minutos antes das 20 e por sorte restavam alguns poucos degrau…
  • Uma Berlin triste
    Cara, esse é daqueles posts desabafo! Vou falar de Berlin, vou falar de como fico triste falando da cidade… ainda mais depois do que ocorreu em meio a festa do prefeito vampiro da cidade e com minha doce Julie. Então, se não quiser ler tais lamentos existem hoje outros 679 posts, artigos e histórias para…

Ilha da Magia

O tempo passa e com ele surge a vontade de compartilharmos tudo aquilo que fazemos, deixamos de fazer ou que fizeram conosco. No livro Ilha da Magia, o vampiro Ferdinand (eu) vai além dos contos e histórias comuns aos romances. Traz experiências vivenciadas desde o século XIX em um mundo que não existe mais (suspiros)…

Se você gosta de histórias de épocas remotas, conspirações, transformações e destino. Embarque conosco nessa jornada! Garanto momentos de aflição, boas risadas e um pouquinho de drama. Não posso ler pensamentos, tal qual meus irmãos, mas te farei sonhar e imaginar o mundo paralelo a este seu, aquele que dizem ser real. Será que é real?