Wampir Os vampiros existem!

Por ai sei la onde…

Bicho, precisamos parar o avião e não sei onde to. De boa, acho que é um lugar entre África e Europa, talvez Egito, sei lá. Estamos reabastecendo pra tocar viagem, to puto pq daqui a pouco amanhece, vou ter de arrumar um lugar pra não virar churrasquinho… Continue lendo

To entediado aqui… Grito No Vazio Parte 4

Pow bicho, fiquei cansado aqui no oriente e to voltando pra Floripa… Opa tão me chamando pro avião… Por enquanto fiquem ai com a penúltima parte do conto do doutor: Grito No Vazio Parte 4 O homem acariciou o rosto de Alessandra e à medida que ela parava de gritar seu aperto forte foi enfraquecendo. Alessandra já não queria mais gritar, limitando-se apenas a respirar de maneira ofegante e permitir que as lágrimas rolassem soltas sobre sua face. O Doutor aproveitou aquela proximidade para admirar um pouco sua beleza, Deus!... Continue lendo

Dia a dia no japão…

Cara to adorando esse “paíszinho“. Digo no diminutivo como forma de carinho… É muito massa aqui, eu to aprendendo a gostar de tecnologia, é algo como futebol para os brasileiros. Mania nacional. É uma pena que esse mês não existam festas por aqui: “Kaminazuki: o mês de outubro é conhecido pela ausência de divindades. Segundo a tradição xintoísta, neste mês, os deuses se reúnem no Grande Santuário de Izumo, sudoeste do Japão, dedicado à divindade Ôkuninushi-no-Mikoto e, por isso, não há motivo para festividades.” Vou sentir falta da “October” de... Continue lendo

Vampiros do Oriente / Grito No Vazio Parte 3

“Nas noites atuais, esperando uma possível paz entre as Cortes, surgiu o termo ‘Kuei-jin’, unindo um termo japonês e um termo chinês…” É galera ainda to aqui me acostumando aos termos e nomes usamos por nossos irmãos amaldiçoados do Oriente. É tanta coisa nova que nem sei por onde começar. Estou aqui na festa do príncipe Tshuki e lembram do que eu tinha dito sobre as pessoas no japão se vestindo estranho e tal, Imagina os vampiros… É um mais hilário que outro. Tá tá eu sei que não podem... Continue lendo

Príncipe de Tóquio / Grito No Vazio Parte 2

Agora já posso andar pelas ruas de Tóquio tranqüilo. Já fui apresentado ao vampiro mandachuva da cidade e ele liberou minha estadia. Gente fina ele um tal de Hirotshio Tshuki do clan Toreador. Esse clan é ligado a arte e ao auspícius um dom de sangue, que aumenta a percepção extra-sensorial. Ou seja eles conseguem olhar pra ti e dizer: Como vai a dor de barriga José? Ou ainda, “Por que você não me fala a verdade sobre suas intensões”. Bom a medida que aparecerem coisas novas em minhas pesquisas... Continue lendo

Meu amigo Doutor

Olá caríssimos, Já que ainda não tenho muitos assuntos aqui de Tóquio eu lhe deixo alguns trechos produzidos por um amigo meu: o Doutor. Por favor não tenham medo de sua palavras simples e diretas. Ele é apenas um estudioso… Um Grito No Vazio – Parte 1 Alessandra abriu os olhos lentamente ao ouvir o som incessante do gotejar não muito distante. “Plim!…” “Plim!…” “Plim!…” A cada um desses “plins” Alessandra recobrava sua consciência, ou pelo menos o que restara dela. Desnorteada, ela apelava para sua visão para tentar captar... Continue lendo

1º dia no outro lado do mundo

Olá pessoas e vampiros, Bom cá estou, Japão. É pois é, vim parar aqui no final de semana. Na verdade cheguei faz pouco. Consegui uma carona num jatinho com um amigo, que me devia uma grana. Mesmo por que seria inviável eu vir direto de avião comercial. Cara como Japão é louco, sabe revista em quadrinhos, to me sentindo dentro de uma, só tem doido nas ruas daqui. Olho pro lado e vejo o Elvis. Olho pra outro lado vejo uma menina com trajes primários, que mais parece uma puta... Continue lendo

Crise de identidade

Sabe, acho que to passando por mais daqueles momentos na vida onde temos de parar e ver para onde estamos indo… As vezes o mundo enche o saco. Sério, talvez por isso os humanos morram perto dos 100. Bicho, já to beirando os 200 anos, sei la as coisas mudaram muito nos últimos 30 anos, eu sinto que to ficando pra trás. É muita informação junta. Internet, celular, wireless. Eu sempre to tentando interagir com tudo, mas confesso que ta ficando foda. Acho que ta na hora de eu ir... Continue lendo

Sexo, drogas e Rock ‘n Roll

Certo dia depois de alguns meses como vampiro me surgiu uma dúvida. Cara e agora? não tenho mais sexo? Será que tudo morreu mesmo, inclusive o meu “mojo”. Será que se eu fumar um cigarrinho de maconha não vou mais ficar legalsinho? Foi então que neste mesmo dia eu fui me aconselhar com meu senhor. Que me respondeu com palavras sábias: “Se liga seu mané, é só tu te concentrar e reativar os batimentos do teu coração”. Desta forma didática eu aprendi que posso continuar com minha vida sexual ativa... Continue lendo

Como matar um vampiro?

O assunto morte final de um Wampir (vampiro) é algo que todos nós evitamos ao extremo, todavia, como muitos leitores tem curiosidade, eu resolvi abrir uma exceção e descrevi abaixo algumas formas de se acabar de vez com um sanguessuga: Água benta: Como eu já disse ela faz muito mal, não nos mata, porém é como um ácido que corrói nossos corpos e se você ficar exposto por muito tempo pode se ferrar. Crucifixo, cruzes, algumas cousas bentas: A princípio nada de mais além de símbolos, algo que preciso deixar... Continue lendo