Tag: parque

Encontro com o mestre

Estacionei o carro e fui em direção ao centro da praça. Este, aliás, é um belo lugar para se passear as madrugadas. Vazio, ar fresco e praticamente nenhuma alma viva, ao menos aos moldes humanos. Seria inclusive um belo lugar para se deitar a grama e ficar um tempo observando as estrelas, constelações, galáxias… Sentado em um banco estava um velhote muito bem vestido de terno completo, chapéu e bengala. Com uma das mãos ele segurava um Tablet e com a outra ele manuseava incansavelmente seu bigode centenário. Concentrado, obviamente... Continue lendo

Menaje atroa na década de 20

Sempre me perguntam sobre o lado sexual dos vampiros, sobre como mantemos nossas relações sexuais, ou como funcionam nossos órgãos sexuais. Tal qual sempre digo, somos humanos normais nesse sentido com a exceção de que não podemos nos reproduzir, ou seja, explicando de uma forma clara: um vampiro não pode fecundar mulheres e uma vampira não pode gerar um bebe. A menos que ocorra algo através de magia ou com alterações genéticas, como se ouve falar muito atualmente. Esses dias lembrei-me de uma noite de festa no qual sai com... Continue lendo

Não caia na lábia de um serial killer

Estava analisando ontem um documentário sobre o maníaco do parque, aquele que matou 10 mulheres ou mais em São Paulo, nos anos 90. E fiquei impressionado com uma coisa tão simples: Como as mulheres estão tão abertas e descuidadas? Está certo que ouço muitas amigas dizendo, que faltam homens descentes, que a maioria hoje só pensa em beijar ou dar “umasinha” sem compromisso, mas convenhamos. Tem que ser muito idiota ou safada para ir por livre e espontânea vontade para um mato tirar fotos sensuais. O cara era feio que... Continue lendo