Tag: despertar

Servidão – pt1

A The March Hare enviou-me mais algumas histórias do vampiro Ernst, no qual compartilho com vocês abaixo: Servidão – Parte 1 O cemitério de Bom Descanso era um dos mais requisitados em todo o País. Suas lápides eram todas iguais e seguiam um padrão clássico, onde todas as cruzes, santos e vasos contidos alí deveriam ser da cor branca, de modo a trazer mais paz para os seus poucos visitantes. Stephen Ernst não se encontrava nem um pouco em paz. Enterrado a alguns palmos abaixo do chão, Ernst gritava a plenos... Continue lendo

O Manipulador: a história de Rebecca – Parte IV

Durante horas, fiquei ouvindo aquele homem falar e me interrogar. E impaciente, eu tentava respondê-lo sem entrar em muitos detalhes. Mas, percebi que deveria tomar cuidado, ele era meio… Manipulador. A cada pergunta seu rosto aproximava-se mais e, ao mesmo tempo em que me repugnava me fazia sentir uma atração estranha. Mal percebi o quanto as horas haviam passado. Na verdade não sabia identificar se era dia ou noite, além disso, a todo instante insistia em encher minha taça  com bebida, mesmo eu dizendo que não bebia. Comecei a me... Continue lendo

Ilusão

Poema enviado pela Rafizia, onde ela comenta em seu e-mail: “…Acho que ele fala de ilusão (não amorosa, mas em coisas irreais nas quais preferimos acreditar)”. Vivemos do sonhar, do não despertar Tentando nele, o impossível alcançar Todos os dias meus sonhos me aprisionam Tento fugir, mas meus pesadelos jamais me abandonam Porque se tornam o meu refúgio, o meu abrigo O adormecer passa a ser o meu melhor amigo Para que mergulhar, Se afogar na ilusão? Para que querer não acordar E para que tentar se manter na escuridão?... Continue lendo

Despertar

Poema enviado pela Rafizia. O meu despertar é apenas o meu adormecer Pois é durante meu sonho paradoxal que consigo te ver Mesmo assim, ainda há contradições Que divergem em sentimentos e emoções É que sou feita da mesma matéria prima da rosa vermelha Da rosa vermelha que à dor se assemelha Onde o sangue representa sua alma E as pétalas despedaçadas, apenas mais um trauma Mesmo assim, ela está cheia de espinhos Por crescer à espreita de muitos caminhos Onde a indecisão a paralisa Por saber que a escolha... Continue lendo