Quando fazemos parte de um clã, que na verdade é um grande grupo de amigos que compartilham os mesmo objetivos e pensamentos, algumas atividades como as que tenho feito nas últimas semanas são importantes. Promovi a limpeza, manutenção de algumas fechaduras e toda uma revisão no sistema de segurança das catacumbas que guardam os corpos inertes dos que estão dormindo.

Sim caros humanos os vampiros possuem locais para proteção de seus corpos enquanto dormem. Por que os vampiros dormem e como funciona o ritual para que isto ocorra, eu já expliquei em outro momento e hoje quero falar um pouco mais da minha relação com meu mestre e sobre seus princípios.

Confesso que se não fosse o poder de aproximação exercido por meu mestre no momento em que me encontrou eu não daria nada por ele. Pouco mais de 1,65 de altura, franzino e com uma longa e farta barba escura que divergia muito dos seus poucos cabelos grisalhos. O velho Barão, ou “tio” como gosto de lhe chamar, apesar de sua aparência comum e nada especial, é um dos vampiros mais poderosos que conheço.

Georg Heindrich von Wulffdert é um nome temido entre os seres sobrenaturais, seus muitos séculos de vida e todas as suas muitas aventuras, são superados somente pelo seu espirito de liderança e por suas ideias atemporais.

Meu tio, sempre me inspirou, ensinou quase tudo que sei e que de acordo com ele me deu a dádiva da vida eterna. Nossa relação foi de imediato um pouco instável e mal compreendida por mim, mas como vocês verão no livro eu acredito ter herdado de seus pensamentos mais intensos tudo o que faço hoje em dia.

Foi do Barão que surgiu a ideia de mostrar ao mundo a vida dos vampiros, ou como preferimos chamar “Wampir”. Por isso o nome deste site e por isso tudo o que compartilho com todos vocês que por muitas vezes duvidam de nossa existência.

Georg deixou a mim, sua cria mais nova e herdeiro de seu sangue verdadeiro, o trabalho de proteger tudo enquanto ele hiberna. Quando fui reanimado as pressas por ele em 2005 antes de completar os meus 50 anos de sossego deste mundo ele me disse: “Ferdinand, tu és novo e garanto que este tempo que ficastes dormindo já te foi o suficiente. Vá e leve consigo tudo o que te ensinei. Eu não posso mais suportar e se não descansar por muito tempo meu demônio se libertará por completo.”

Foi muito triste ver o aquele pobre homem sendo possuído pelo demônio, tendo de ser acorrentado e contido com magia pesada…

Independente de todo este momento ruim que passei logo que fui reanimado eu tenho seguido na risca os pedidos do barão. Por isso caro mancebo que me lê neste momento, que eu faço o que faço e por isso que estamos aqui compartilhando quase tudo o que fazemos com vocês. Realmente acreditamos que podemos viver em paz entre todos e em breve a velha cúpula cairá!

Avante guerreiros, avante irmãos, avante Wampir!