Poema chamado: “Ví”

Este poema foi enviado pela Fernanda.
Quem a conhece certamente perceberá sua fonte de inspiração.
Triste porém muito expressivo!

Vi!
Será que vi?
Vi!

“Bala” sem destino
Encontrar um menino
Doce criança?
Pobre sem esperança?

Sempre rodeada
Por tanta criança só
A angústia que na garganta
Trava-se em nó.

Crianças carentes!
Crianças indolentes!
Crianças indigentes!
Minha gente!

Escolhi ser gente
Nesse mundo inconseqüente
Trabalho matando gente
Que fato incoerente

Gente?
De maldade inerente?
De sociedade aparente?
De amor ausente?

Atirei!
Matei?
Que tristeza fiquei!

112 Comentários

Isso é pura falta de amor mesmo Fefa, o que acaba resultando em situações como essa. bem relatado!!

Eu lembro…mas e ai já deu uma visitadinha ao outro safado Galego?

Baronesa, não tive mais notícias, afinal tenho preocupações maiores do que seguir os passos de um delinquente qualquer. Porém, vou deixar isso na agenda do meu celular, quem sabe uma hora dessas eu esteja com fome ne rsss

Cadu, é complicado e te garanto que quem está no meio disso merece muito respeito e devia ganhar muito bem. Claro que em qualquer organização sempre existirão as pessoas de má índole, mas no geral os policiais são os verdadeiros heróis da sociedade!

Meu pai me fala de muitos casos em que prendeu menores de idade e até de colegas de trabalhos que também são policiais que tiveram o filho preso ou morto por causa de drogas, briga de gangues ou roubo mesmo.

Bem pelo menos eu sei que quando você o visitar vai rolar um ótimo post Galego 😉

Como diria a Rafizia e melhor dar uma passeio para o celular do Galego parar de tocar…rsrsrs

Adorei Fernanda, um poema triste mas inspirador, confesso que escrevo mas não teria coragem para publicar, estou habituada a ser criticada! Fernanda meus parabéns, ficou fixe 😉

Poema muito belo o seu… Me fez lembrar de “Capitães da Areia”. Muito prazer a todos. Sou nova por aqui, mas conheço esse vampirinho querido a um tempo… Tempo, tempo… Feliz desaniversário pra vocês \o\

Expressivo Mesmo…Só de pensar na realidade das pessoas que vivem a realidade desse poema,já dá uma tristeza!

“Feliz desaniversário pra vocês \o\”

That’s no make sense ._.

Quero dizer: não entendi o que vocês não entenderam, entende?

ARGH!
Deixa pra lá. ¬¬

Tudo bem Doom eu tendi…realmente, That’s no make sense ._.

e não precisei de google tradutor. xP

Discussão super construtiva essa, hum? u.u

Tá, fui eu que comecei – não, tecnicamente foi a March – mas não contem a ninguém! Xiu! ò-ó

Chapeleiro louco feminino eu até aceito, mas Coelho? COELHO! Quem ousa me chamar de coelho?! E eu sou uma lebre, sim.
Da ultima vez parabenizei vocês, mas hoje é um feliz desaniversário pra mim ‘-‘

Deixem que eu os ajude um pouco… A chapeleira é uma grande amiga minha então talvez vocês lembrem de mim. A festa do chá, sim… Vocês me encontram lá. Descobriram quem sou? hahaha

Chapeleiro louco feminino eu até aceito, mas Coelho? COELHO! Quem ousa me chamar de coelho?! E eu sou uma lebre, sim.

Só por conta disso eu vou te chamar de coelha pra sempre! COELHA! RÁ!
>8D

E eu que pensava que tinha problemas mentais por causa da genética ou simplesmente por estar na fase adolescente e ainda ter um amigo imaginário, ter alguns bichinhos de pelúcia no quarto e dizer que vou dominar o mundo mas antes fazer todos os seres humanos comerem merda de cavalo ‘_’
Há,LEBRE.

Fiquie com preguiça de ler os outros 41 coments. fefa, parabens pelo poema, continue a nos escrever hein. Bom, para a felicidade de todos, estou se net e vou tirar umas ferias do site. Só ano que vem eu volto, ou se o Gal, quer dizer o fred, o Ferdinand(você colocou o seu nome de proposito não é?) me dar o livro de graça é calro, eu volto antes. Até lá, Adeus galera

Trabalho difícil o seu Fernanda!! Não imagino que seja uma coisa fácil e pensei nisso ao ler seu poema. Bem que você podia escrever mais e mandar p o Galego publicar…Parabéns!

que droga lembrei da Dona Florinda brava Ggitando “FREDERICOOO”
kkkkkkk

Meus amigos me troscam (não me perguntem o que isso signinica -.-‘) quando falam que eu pareço o Kiko ‘_’ Aí eu lembrei disso.

-Seu Madruga, sua vó sabe jogar GTA?
Paft
-Toma!Só não te dou outra por que minha vó zerou até o GTA IV.

frases do mestre Seu Madruga (meu ídolo)
“Isto é uma caliúnia! Uma caliúnia! Você sabe o que é uma caliúnia?”

“Esta caveira representa ‘prerigo’,’PRE- RI- GO’.”
“Devemos perdoar as ofensas… Devemos perdoar as afrontas… Devemos perdoar os aluguéis atrasados…”

aushaushaushaushau

Cacete,sou obrigada a concordar com o Galego,a cada noite que passa aqui só entra gente louca kk. Pelo menos esse ai*ou essa ai* é uma fã convicta(o) de Alice no pais das maravilhas…Ou estarei errada?

Mas história da Alice é massa u.u Principalmente quando criam mangás contando histórias parecidas com a dela xD
Repito mais uma vez:E eu que pensava que tinha problemas mentais por causa da genética ou simplesmente por estar na fase adolescente e ainda ter um amigo imaginário, ter alguns bichinhos de pelúcia no quarto e dizer que vou dominar o mundo mas antes fazer todos os seres humanos comerem merda de cavalo ‘_’ Detalhe adicional: Adoro puxar os bolsos da calça do meu primo u.u (nem me pergunte o porque).

Bom,Cadu,você nao é louco,o que você escreveu acima só prova que você nao passa de uma criança que nao cresceu ainda. xD

Sei lá, meu pai diz que praticamente sou uma criança com transtorno bipolar e que tem cara de 15 anos (mesmo que só falte um ano pra eu chegar lá).Não sei, segundo a Organização Mundial da Saúde sou adolescente.Ou eu tenho problemas mentais ou por que tenho amor a minha ideia de preservar a boa parte da infancia que tive u.u

“Ou eu tenho problemas mentais ou por que tenho amor a minha ideia de preservar a boa parte da infancia que tive u.u”

Quem chega perto de ter problemas mentais é o piromaníaco aqui eu vive gazeando a terapia (eu).
Você é normal, conheço muita gente que diz se sentir assim. =P

Ta okay senhor galego. Que bobagem é essa, eu hein. Problemas com apelidos ou abreviações? mas o senhor pode escolher como lhe chamam. Este é um direito que não posso impedi-lo de exercer.

Deixa eu mandar um abraço po povo: va, doom, lin-kun, baronesa, fernanda, victor salvatore, msa, lia. acho que só

Ki luta? to aki de penetra, minha irma que ta estudando pro seminario que ela vai apresentar hj a noite. To mó de boa ake

e aew lin kun?
Povo vocês podem dizer – “ah, essa critica fika dizendo que vai embora e fika comentando ake”. Bom, to comentando hj pq queria ver o texto da cHet e to afim de comentar, não é todo dia que eu posso. Acho que depois de hj num volto mesmo. Mas não se preocupem, vo sair , pode demorar um pokinho , mas vou. Ja enjoei ja. Não dos poemas e do conto da chet, e dos meus amigos membros, acho que perdeu a graça. Num tenho mais o que fazer aki. Victor Salvatore, vc vai sair comigo tbm amore? To saindo ta bom ? beijus.

Eu tva era com vontade de lascar o pau, mas, titio galego ensinou uqe num pode, kkkk. Tira nada velho. E para de comentar lin kun eu ja percebi que vc ta online , kk brinkadeira

Felei titio pra num dizer primo de Adão, kk, galego velho, fui baronesa e lin kun xau

de tantos posts o celular do Galego deve tocar igual a um funk!!! rsrs

Depois o povo me manda e-mail dizendo “Saí do teu blog por que cansei das crinças que tomaram conta dele”… mas ai eu defendo vocês e a Rafizia resurge das cinzas com toda sua sabedoria e crítica. “Ninguém merce essa pirralha chata”, foi o que alguns de vocês me disseram quando pedi se queriam que eu a bloqueasse…

Rafizia, Rafizia…não parta flor do dia… A festa do chá ainda não acabou. E só pra constar, eu sou uma garota mesmo [meio louca por sinal]. Doom, temos algo em comum, ou pelo menos em parte. Sou meio piromaníaca também, apesar de controlada.
Não chego a ser uma fã convicta Alice Chet, mas gosto bastante da história. Escolhi A Lebre de Março aleatoriamente entre ela, a Arlequina e o próprio Mad Hatter [ou no caso Hatress]. São personagens que eu aprecio bastante.

“Ninguém merce essa pirralha chata”, foi o que alguns de vocês me disseram quando pedi se queriam que eu a bloqueasse…”

Sabe relação de amor e ódio? Pronto, vai por aí… xD


“Doom, temos algo em comum, ou pelo menos em parte. Sou meio piromaníaca também, apesar de controlada.”


Hoje eu sou controlado também, mas já causei alguns “acidentes” como incendiar parte do meu quarto.
Depois disso meus pais passaram a colocar todo tipo de coisa inflamável no topo de uma estante putaquiparivelmente alta(pelo menos pra mim que sou baixinho). Mas ela é muito fácil de escalar, então eu sempre pego escondido, RÁ!

De bônus ainda fiquei mais rápido em desviar de panelas que eventualmente caem na minha cabeça.

Não contem isso a eles ou ficarei sem palitos de fósforo PARA SEMPRE! ó.ò

Realmente Cadu,Desculpa o Que eu vou te dizer, mas Idade não tem nada a ver com as merdas que a gente escreve ou não na internet.A pessoa pode ter 80 anos na cara e uma mentalidade de 8, e vai fazer os outros passarem vergonha igual.Me deixa puta a maneira como as pessoas dizem que só porque alguém é novo vai falar muita merda,ou vai fazer muita besteira por ai…Até porque a gente não escolhe a merda da idade que tem!

Uma vez quando eu era criança eu quase incendiei minha cama, mas eu consegui apagar quando percebi que iria receber um grande esporro e ficaria de castigo se isso acontecesse. Queimei meu cabelo também, foi bem legal… hahaha.

Então tá certo u.u Apesar de que os jovens de hoje em dia estão retrodecendo e poucos estão avançado, mas enfim concordo contigo que as vezes a idade não é de acordo com a mentalidade.

Doombringer cara, não chegue perto de mim então.Tenho fobia a fogo ‘_’

Apoiado Lin-k. Hoje em dia tem se tornado cada vez mais raro encontrar jovens com boas cabeças. E idade realmente nem sempre tem a ver com a mentalidade. Conheço algumas pessoas aí que são fisicamente adultas mas que na verdade possuem a maturidade de crianças de pré. É tudo uma questão de perspectiva e personalidade… idade só ajuda a afiar um pouco esses detalhes, mas o que interessa mesmo vai da pessoa e de suas influencias durante a vida.

Acho que o amadurecimento vem principalmente através de experiências (agradáveis ou não) e o fato é que, salvo algumas excessões dificilmente na idade da adolescência haverá situações desse nível. u.u

Comentário interessante Cadu, eu por exemplo já tive várias decepções e também muitos acertos amorosos. Só tenho a dizer que nunca somos os mesmos depois que nos entregamos ao amor…

Como já dizia minha mãe quando vai falar para os outros que eu sou uma péssima pessoa, esse tipo de coisa só aconteceu comigo umas 2 ou 4 vezes na minha vida devido a minha extrema frieza.


Eu não me considero uma péssima pessoa u.u Só não gosto de lidar com pessoas mesmo ‘_’

eu não quis falar abertamente, mas a questão das desilusões amoros são, de fato uma lição e tanto para nossas vidas

Putz, Sem palavras, simplesmente perfeito.(enchuga as lagrimas)