Tag: viagem

Uma nova jornada – Parte IV: a viagem

Fomos recepcionados pessoalmente por Antoni, que foi nos buscar no aeroporto na qual aterrissamos com meu jato particular. Devido à diferença de horários, me arrependi de não ter saído mais cedo para poder chegar com tranquilidade depois da viagem. Ainda teríamos alguns quilômetros de viagem pela frente, e eu ainda estava receosa com a presença de um ser tão semelhante a Thomas… O clã ficava em uma cidade no interior dos Estados Unidos, uma região montanhosa e fria para Lorenzo. Logo que chegamos, observei que aquele não era o mesmo... Continue lendo

Uma nova jornada – Parte III: a primeira vez de Becky

Após a minha conversa com o Fê, entrei em contato com Antoni. Nos falamos pela primeira vez após a França e marcamos a data na qual Lorenzo e eu faríamos nossa viagem. Antoni empolgado, explicou-me que eu deveria passar ao menos um mês junto a eles para que pudesse conhecer boa parte dos métodos de seu clã. Um mês passaria rápido, mas era um tempo que me pareceu longo, visto que eu teria que adiantar muitos negócios em minhas empresas, para poder me desligar totalmente de tudo. Questionei-o sobre o... Continue lendo

Os mortos não voltam – Parte III

Antoni Erner era seu nome. Após Sophie finalmente contar o pouco que sabia sobre ele e sua história, conclui que era tão misterioso quanto o irmão, Thomas Erner. Após uma longa conversa, decidimos que investigaríamos melhor sobre o clã de bruxos-demônios, como resolvemos chamá-los, e que iríamos em busca de Lorenzo. Afinal, eu já estava preocupada com sua vida e segurança e, depois do que fizeram em meu apartamento, eu não poderia deixar barato. Mas, para isso, segundo Sophie, precisaríamos do auxílio daquele que desejava manter-me afastada tanto dele, quanto... Continue lendo

De volta à uma rotina nada normal – Parte I

Foram várias noites de viagem, com paradas em hotéis durante o dia. Ao longo do caminho aproveitei para passar em alguns lugares e resolver problemas com os negócios de algumas das empresas que “herdei” de Sr. Erner. Lilian e eu revezamos a direção, não por cansaço, mas porque ambas adoramos dirigir. Literalmente colocamos o papo em dia. Paramos em alguns bares e zoamos os caras que pensavam que éramos garotas indefesas se aventurando na estrada. Tivemos que trocar dois pneus ao longo do caminho, e para isso sim, acabamos precisando... Continue lendo

Minha família de Vampiros – Continuação

Sai da casa de Eleonor com a consciência tranquila. Pois assim como ela havia me ajudado nas épocas em que meu demônio estava a flor da pele, eu fiz a minha parte lhe devolvendo um pouco de sanidade. Pode não ter sido da forma mais fraterna, mas se há algo que aprendi depois de tanto tempo lidando com os mais diversos tipos de almas. É que tudo o que é importante, deve ser tido sem delongas, na cara mesmo. Pista de terra, solavancos, pancadas de um lado e de outros... Continue lendo

A garota perdida – pt2

Eu finalmente fiquei frente a frente com Matt, eu podia jurar que ele queria chorar tanto quanto eu. Eu precisava tomar coragem e foi ao voltar a olhar para a saída e não ver mais o homem que eu amava, que toda a coragem veio até mim. Eu segurei as mãos do Matt e interrompi o padre, que não ficou nada feliz com a minha atitude, por assim dizer. – Matt, o que nós estamos fazendo? – Sinceramente Lili, eu acho que estamos para cometer um erro. – O maior... Continue lendo

A magia e os vampiros – pt10

Chegamos a Berlin na noite do dia seguinte e fomos diretamente a um dos hotéis que temos “conta”. Infelizmente, Claire não nos acompanhou, mas sinceramente acho até que foi bom, pois certamente eu me perderia em suas curvas ou ao menos passaria muito tempo tentando fazer isso… Berlin e suas noites agitadas e cheias de atores, escritor, cantores, pintores… A diversidade cultural anda tão em alta na cidade, que chego a me imaginar voltando a morar por lá. Porém é realmente uma pena que algumas ruas, cujo passar dos anos... Continue lendo

A Revelação: a história de Rebecca – Parte II

Senti um choque terrível. Dores de cabeça. Era como se eu tivesse voltado no tempo, então eu pude ver, como em um filme acelerado, cada passo e acontecimento ao longo da minha vida, a revelação de uma história que eu tentava esquecer… Pulei da cama, assustada. Era um pesadelo horrível lembrar tudo aquilo. Sai do quarto, estava com fome. Mas, eu sabia que já não me alimentava de comida comum. Mais do que um pesadelo horrível, agora sentia uma fome horrível. A situação só piorava. Será que eu realmente estava... Continue lendo

Penélope foi a última convocada

Os testes com minhas duas garotas espertas foi algo em conjunto, bem na verdade Deb participará de todos, mas deixe-me explicar… Tendo em vista o fato de que Sebastian está cada vez mais “tocando os seus próprios negócios” e eu estou cada vez mais sem algo muito importante, que ele fazia por mim: secretário pessoal para assuntos diversos. Obviamente até aqui os mais espertos já captam o que Deb fará? Pois bem, não é que a loirinha seja predileta, mas acredito que cada um deles tem um diferencial e Deb... Continue lendo