Existem cousas que eu penso de uma forma, mas a realidade é sempre um tapa na cara. Lembram que o Franz havia ficado interessado na “vampira ruiva novinha”, que eu conheci noutra noite? Pois é, mais uma que caiu nas presas desse meu libidinoso, lascivo e voluptuoso irmão Wampir… Bastaram apenas algumas mensagens e fotos trocadas via Whatsapp, que ele a convenceu de ir ao seu “matadouro”.

Libertinagens e fofocas a parte, isso aconteceu na verdade em uma bela noite em que resolvemos levar H2 e Letícia para uma noite de aprendizados. Como vocês leram no post em que a introduzi em nosso cotidiano, ela é aprendiz de um grande conhecido de nosso clã. Este, aliás, que me pediu por telefone para ajudar a novinha com o lado furtivo de nossas rotinas.

Esta história na verdade não é muito longa, é mais uma daquelas onde adoro levá-los pela imaginação até o nosso mundo. Então para encurtar tudo começou quando Franz me mandou uma mensagem, perguntando o que eu faria à noite e se não queria dar uma volta com ele e H2. Como meus planos eram apenas ficar no meu canto e talvez tirar umas fotos pela noite, resolvi ir ao encontro deles. Afinal, como vocês sabem em nossos encontros não há marasmo.

Imaginem a minha surpresa ao encontrá-los junto da ruivinha? Ainda mais que o mestre dela havia me contatado na noite anterior… H2 diga-me apenas sim ou não, meu irmão dormiu sozinho hoje de dia? – Naquele momento ele largou um sorriso espontâneo, porém se manteve calado apenas balançando a cabeça para dizer que não…

Sr. Ferdinand eu sei que você tá puto com o Franz, mas fui eu que vim atrás dele – Interrompeu Letícia. Obviamente eu fiquei curioso e apenas movi um pouco a cabeça para trás e levantei uma das sobrancelhas, dando a entender que queria ouvir mais. Neste momento Franz deu um tapa no meu ombro para me cumprimentar e sentou-se ao lado de H2 no sofá de frente para a TV. Eu lhe disse que depois de todas as histórias do site e de tudo que meu mestre me disse sobre vocês eu fiquei muito curiosa, assim eu fui atrás do teu irmão. Pois convenhamos, você sempre fala das safadezas dele e isso excita qualquer garota.

Diante de tais argumentos só me restou puxar assunto, onde por mais alguns minutos ela me falou de tudo que gostava em “nossas aventuras”, aliás, quase não gosto quando falam do meu site rss… Obviamente Franz fez algumas piadinhas e para não inflamar (mais ainda) o seu ego eu disse para ele mesmo vir aqui, para se quiser falar sobre o que fez durante o dia com Letícia.

Uma ou duas horas depois saímos, o aprendizado seria simples e divertido aos moldes do tradicional “pega-pega” ou “polícia e ladrão”. Fomos então para um parque, onde os novatos deveriam aprender a localizar com precisão nossas energias, evitando assim nossos furtivos e rápidos ataques surpresa. Confesso inclusive, que me baseei naquelas brincadeiras do Filme Amanhecer, ok podem fazer piadinhas…