Hector Santiago – Origens do clã

A partir de hoje começo uma nova saga aqui no Wampir, onde falarei um pouco mais de um dos meus melhores amigos, Hector Santiago. Nestas linhas abaixo farei um breve contexto histórico sobre a história do seu clã e

A saga do clã Santiago em Santa catariana.

1832, Vila de São Francisco do sul, muitos acontecimentos desastrosos provocados pelo desaparecido Capitão Mor de Domingos Francisco intercalados com a ascensão inesperada deste pequeno vilarejo e junto com a vontade de dominar o novo mundo, foram as principais motivos que trouxeram Rafael Santiago para o Brasil.

A sua ascensão teve início logo após a sua chegada, quando Rafael utilizou um de seus ghouls, o desembargador João Pires Pardinho, para melhorar a pequena vila. Em função dos altos investimentos ela prosperou muito e em meados de 1920 possuía um dos melhores portos do sul da América, fazendo com que muitas riquezas passassem por ali.

Depois de 2 anos, com muitos de seus projetos tendo sucesso, com suas crias já possuindo o conhecimento necessário para se manterem sozinhas e em função das recentes mudanças ocorridas no dia a dia humano , Rafael decidiu entrar em torpor para descansar a mente.

Além disso, e devido a uma reunião entre as crias de Rafael em 1926 foi decidido por unanimidade que elas também queriam descansar e que ficariam se revezando no trabalho. Sendo a sua cria mais nova, Juan Carlos Montez incumbida de guarda-los, por este período.

Apesar de ser o mais novo é um vampiro muito poderoso, já foi transformado a mais de 500 anos, portanto tem muitas experiências. Ele se tornou cria de Rafael quando lhe prestava serviços de pirataria, por muitos anos Juan foi capitão dos barcos de Rafael, inclusive foi Juan que o trouxe para o Brasil em uma de suas embarcações.

Juan possui duas crias, a mais nova é uma bela senhorita chamada Marie Toulouse que está desaparecida e o mais velho é Hector Fernandez Herreira, que atualmente  mudou seu nome para Hector Santiago em homenagem ao velho ancião de seu clã.

A prosperidade de São Francisco do Sul, continua até hoje e por causa disso e de seu descontentamento com a modernidade acelerada, Juan decidiu entrar em torpor em 1983. De acordo com as regras impostas pelo conselho das crias de Rafael, faltariam menos de 10 anos para Juan descansar fazendo a troca de vigília com um de seus irmãos, mas ele decidiu dar um voto de confiança a Hector, pois este tem se mostrado muito valoroso e digno de confiança.

Essa ideia de descansar mais cedo vinha tumultuando desde 1975  a mente de Juan, que desde então resolveu preparar Hector para assumir sua posição no clã. No início Hector achou estranha a intensidade de ensinamentos que lhe eram ministrados, mas com o tempo se acostumou e até tomou gosto sobre a cultura dos regrados (vampiros corregedores) e suas tradições de clã.

Neste contexto, desde 83 Hector tem em mente uma série de objetivos e regras impostas por seu senhor. Dentre eles os principais são: Aumentar o número de vampiros aliados aos propósitos de Rafael, bem como manter a proteção às criptas de descanso e a todo o império que já está estabelecido por seus antecessores no sul da América Latina…

Ferdinand W. di Vittore

Nascido em 1827, foi transformado em vampiro com 25 anos em 1852, enquanto ainda vivia na pequena cidade de Nossa Senhora do Desterro, atual Florianópolis, Santa Catarina – Brasil. Criou este site em 2008 com o objetivo de divulgar as ideias do seu clã, instituição fraternal em que ele, seu mestre e alguns amigos mais chegados pertencem. Além disso ele também publica aqui e no vampir.com.br histórias do seu cotidiano. Está quase sempre bem humorado e nos últimos anos possui um projeto chamado “Os escolhidos” em parceria com Hector. No qual eles “ajudam” a polícia e a sociedade na resolução de crimes hediondos. Ferdinand também ocupa suas noites com a escrita e recentemente publicou um livro com suas memórias: http://my.w.tt/UiNb/gz325qd62s

Você pode gostar...

14 Resultados

  1. LellaMorais disse:

    I looooove here since 2008 ! Hey Príncipe ! Where are the book ?! ;D !! Como sempre vai chover de comentários aqui não é Príncipe ? E é muito bom ser a primeira a comentar ! De tempos em tempos dou uma passada por aqui ^^ sabes disso !

  2. Maila Cardoso disse:

    2ª haha!Qual o link de grito no vazio p.5

  3. Isa disse:

    Ferdinand, porque “desaparecida”? ( E NÃO SE ATREVA A RESPONDER “desaparecida porque desapareceu”)
    Tem como uma cria fugir de seu criador assim, mundo afora, sem deixar pistas? Pensei que fosse impossível :/

    • Assim como os humanos os vampiros também podem sumir, não é uma cousa assim automática, onde todo Wampir é ligado a seu mestre, sabes? Até existe alguns vampiros com esse tipo de poder, algo relacionado a uma comunicação a distância, porém não o de Hector…

  4. Isa disse:

    Aliás, adorei a nova cara do blog 😉

  5. Maila Cardoso disse:

    Vlw, n tinha visto, kkkk agora cade a outra parte do retorno do doutor

  6. Janah C. disse:

    Nuss, site novo estória nova, parabéns pela produtividade ^^

  7. Isa disse:

    Obrigada querido, entendi agora 😉
    ( Não tem mais link de “responder” ou só eu que não tô achando?)

  8. Maila Cardoso disse:

    eu tbm n

  9. Lella Moraiss disse:

    Agora tem 😉

  10. Maila Cardoso disse:

    kkk, ainda bem (-sqn)