Ser um sobrenatural nos tempos atuais é algo sofrível

Todos sabem que os tempos mudaram e que ser um vampiro atualmente, bem na verdade, ser um sobrenatural nos tempos atuais é algo sofrível. Tá, lá vem o cara imortal reclamar… Não é bem assim, mancebo!

Sim os tempos da época em que eu fui transformado eram diferentes. Não havia higiene, tampouco band-aid, smartphnes, banho quente ou sequer banheiro dentro das casas. Já falei um pouco aqui sobre isso, mas como sempre temos novos leitores e de tempos em tempos eu retomo o assunto: época atual vs o passado.

Apesar disso, também havia coisas boas. Não havia a loucura e a correria dos tempos atuais e isso sim eu acho que sinto falta, pois quando os veículos motorizados começaram a circular pelos centros das grandes cidades foi a verdadeira loucura. Em coisa de 10 ou 20 anos eles tomaram as ruas. Levantaram muita poeira nas antigas ruelas e tudo se transformou em função disso.

Vieram as grandes obras urbanas, os famosos calçamentos, os bondes e os postes com luz a óleo foram trocados pelos ligados a luz elétrica e todos os locais receberam dezenas de fios. O que provocou a modificação das casas residenciais e de comércio. Muitos foram derrubados e deram lugar a edifícios modernos e nos padrões aproximados com os atuais.

E o lado sobrenatural disso?

Bom, é aí que surgem as minhas reclamações. Pois as mudanças que eu disse linhas atrás fazem, além dos imóveis, as pessoas também se movimentarem. O problema é que existem muitos que não gostam de mudança. Mudanças de processos e de rotinas tal qual na atualidade, em função da pandemia global de COVID.

Os sobrenaturais em especial aqueles que podem viver centenas de anos, como os vampiros, não gostam muito de mudanças. Imagine que você tem sua rotina de alimentação, tem os lugares onde pode ir ou que não deve chegar perto. Todavia, de uma hora para outra há bloqueios policiais e sanitários. Todos evitando as ruas, empresas decretando falência e as pessoas recolhidas na “segurança” de seus lares.

Por um tempo não se pode entrar em bares, baladas, lojas, padarias… Shoppings, que eram o principal local de passeio de alguns e até mesmo as praças foram fechadas… Tenho amigos vampiros que decidiram hibernar nesse tempo. Triste, mas alguns empreenderam e até criaram negócios novos de delivery. Algo tipo sangue a domicílio? Sim, porque não… oferta e demanda, babe!

Falando de mim…

…eu já tocava muitos dos meus negócios a distância e tenho certa simpatia por tecnologia. Sobre minha dieta, alguns animais disponíveis pelos arredores a compõe nesse momento, mas confesso que a fome, aquela antiga, inerente e pecaminosa pelo sangue humano tem me acometido. Inclusive nesse momento ao falar disso, minha perna direita insiste em balançar… Obviamente, indicando ansiedade em minha cabeça.

Talvez por isso tenha me afastando um pouco daqui e deixado meu irmão Carlos, publicar suas histórias e andanças. Bom, convenhamos que falar somente de vampiros (e minhas reclamações) devia estar chateando os mais antigos frequentadores? Então essa variação de assuntos hora lican, hora vampirescos trás variedade e renovação para cá.

Afinal, em meio a tudo o que tem ocorrido nos últimos meses inovação e variação são palavras bacanas e que podem animar a cabeça. Principalmente, daqueles como eu que ficam angustiados quando permanecem por muito tempo nos mesmos locais.

Ahh, tenho lido bastante e visto seriados. Esses dias maratonei o Legado de Júpiter e vocês?

22 Comentários

Oii querido, ahh tadinho do Fer, confesso que tudo isso tbm tem me deixado um tanto quanto ansiosa, eu era acostumada a agitação badalação, agora tá tudo parado, nossa, e imagina pra quem tem negócios, ou pra um vampiro acostumado a sair nas noites para caçar nossa deve ser bem ruim, mesmo, mas eu achei essa história de sangue por delivery até mais plausível, porque convenhamos o risco de ser descoberto ou alguém ver algo era bem eminente, né Fer ? Não sei se tô falando bobeira. Mas enfim, não sei se vai tudo voltar a ser como era, creio eu que não … Mas deve melhorar. Ahh sinto falta das suas histórias por aqui Fer. Eu me amarro.

Antigo “normal”, acho meio difícil, essa pandemia afetou tudo e todos, creio eu que como ele é um vírus letal, e altamente contagioso, até termos a segurança, de sair sem medo sermos infectados, vai demorar, e muito, e não vai ser por este ano meu querido. Mas aos poucos creio eu que vamos nos adaptando. Eu por exemplo, me acostumei com a máscara, e me sinto estranha quando entro em algum lugar sem ela, nossa quem diria !

Pois então, estava falando com uma conhecida sobre isso ontem… Pela frente teremos novos hábitos não só de higiene, mas de comportamento e convivência. Então, nos próximos anos ao menos vai ser dificil para muitos voltar ao antigo normal. Concordo e todos vão precisar se adaptar, sobrenaturais e humanos…

Nem me fale, ahh saudades de respirar um ar fresco, se aquela máscara sufocando, quem diria que a pandemia afetaria tbm os vampiros, pra você ver Fer, o quanto a coisa tá feia… Realmente não estávamos contando com isso.. mas a gente tá se virando como pode não é mesmo … Kkk rio, mas é de nervoso ….

The Society for Creative Anachronism ou sca.org é um site bem estranho, não achei nada de relevante no site, apesar de ser um site grande não entendi a existência dele.

A magia está nos nuances do mundo, na oração ou meditação… ou nas palavras do Eliphas Levi: “A magia é a ciência tradicional dos segredos da natureza, que nos vem dos magos.” Na SCA vais encontrar muito material que possibilitará teu entendimento sobre esse movimento.

ola Ferdinand! gostaria de saber se ainda e possível ter acesso ao seu livro ilha da magia?
e também gostaria de saber se quando os vampiros caçam os humanos vocês os matam ou apenas sugam o sangue deles?
poderia responder pelo menos uma por favor.

Mein Gott, es ist soooo viel Zeit vergangen. UPS, ah ich liebe diese Seite. Mein Schatz fiquei sabendo atraves de “amigos ” que estaremos precisamente em seguranca desse Virus so em 2024, horrivel. Entao tentemos nós humanos sermos vacinados o mais breve possivel para podermos andar Livres novamente. Aber erzählt mal wieder schönes. Küsschen. Fhal

Sempre penso que a tecnolgia cada vez mais avancada representa um grande perigo para seres sobrenaturais, tornando o anonimato muito dificil e teoricamente em algum momento impossivel. Gostaria de ler sem livro sobre a ilha.

Deixe um comentário